Plus Size sem Mistérios

Espelho espelho meu!

Antes de investir neste ou naquele modelito que está super em alta, faça como todo mundo: reflita. “Se olhe no espelho com amor e carinho, sem preconceitos ou julgamentos. Aprenda a conhecer o seu corpo, a perceber o que fica bem nele e use isso ao seu favor. O essencial é se respeitar e não buscar ideais inatingíveis de beleza.
Comece, por exemplo, pela barriga, que preocupa muitas mulheres. Para disfarçar a região a dica é investir em uma cinta modeladora adequada ao seu manequim e que não aperte. O acessório evita que se incomode com as gordurinhas indesejáveis.
Mas nem tudo que se lê merece atenção.  Existem físicos e estilos diferentes. Com paciência, começa a perceber o que valoriza e o que é melhor evitar. O mais importante é ousar, sair da zona de conforto e fazer novas combinações. 
 
Estampas e babados, sim!
 
Se a parte de cima do corpo é a mais ampla, aposte em uma calça, saia ou shorts com detalhes e uma blusinha lisa, num tom mais escuro. Vale o mesmo para o contrário.
Caso tenha quadris largos, pernas grossas e o tronco mais fino, a peça neutra deve ir embaixo. Isso ajuda a equilibrar o look. Desenhos muito pequenos podem dar a impressão equivocada de quilos a mais. Por isso, costumo aposte nas estampas medianas, com fundo escuro, que sempre caem bem.
 
Curvas acentuadas
 
Evite as roupas exageradamente coladas, já que elas dão volume onde não há. A roupa, para ficar bem, precisa ter bom caimento.
As calças legging, apesar de ficarem justas, não precisam ser evitadas. As lisas, de cor escura, sem muitos adereços ou brilho, são ótimas opções. Na parte de cima, vista uma peça mais soltinha.
 
Listras: inimigas ou aliadas?
 
Prefira as verticais, estreitas ou grossas, que alongam a silhueta.
As horizontais exigem bastante cuidado, pois muitas vezes causam um efeito indesejado. Neste caso, vale se olhar antes e se certificar se cai bem ou não.
 
Cores claras pedem bom senso
 
Roupas brancas ou em tons pasteis devem ser evitadas nas regiões da silhueta de maior peso visual.
Se usadas nas regiões mais sequinhas, as peças claras ajudam a equilibrar o visual. Já nos acessórios, as cores são permitidas sem restrições.
 
Preto dos pés à cabeça
 
Muitas pessoas investem em composições de tonalidade escuras por achar que emagrece. É preciso tomar cuidado. O chamado ‘total black’ pode dar mais volume do que realmente existe. A pessoa corre o riso de parecer um bloco único, sem curvas. Caso opte pelo look monocromático, dedique-se aos detalhes, como um cinto de outra cor, um ótimo aliado.
 
Cintura em destaque

Realçar essa região tira o olhar sobre a barriga. Aposte nos vestidos transpassados e nos blazers acinturados, que, além de elegantes, são charmosos e esbanjam feminilidade.


Créditos Texto e Imagem: Portal Vital - 
http://www.portalvital.com/beleza/corpo/plussizesemmisterios
 
Go to top